Diário do Sugrillos

Pois é, estamos no mesmo barco, o problema desse sentimento é a impaciência, por que ao mesmo tempo que estamos no caminho certo, ainda falta um pedaço da montanha, e com esse imediatismo tendemos a ceder pra alguns gatilho e abaixar a guarda, e se isso acontecer, e não voltarmos ao foco e entender que isso é só um momento, vamos recair e depois ficar nos perguntando, “por que eu fiz isso?”.

1 Like

Entendi brother, seria uma espécie de bloqueador mental né. Eu tentei fazer algo parecido, com aquelas punições que eu criei, mas eu exagerei e a maioria delas me prejudicaria seu eu cumprisse. Percebi que o que me dá uma boa motivação é ter um propósito sólido pelo o qual estou abandonando a pornografia, e em segundo lugar, porque quero ter relações sadias com as mulheres e a pornografia impede isso.

1 Like

Sim sim, sempre trago a memória a forma que me sinto após uma recaída, e é sempre o “Eu devia ter lutado mais um pouco.”

1 Like

Dia 38

Sábado marquei de sair com uma garota e espero que de tudo certo. Eu sou ansioso por natureza e as vezes mergulho nas paranoias do que pode dar errado, mas já fui pior, fico mais ansioso no dia um pouco antes do encontro, mas conforme as coisas vão acontecendo, eu fico mais a vontade e seguro. Uma das coisas que espero com o reboot é justamente isso, essa minha vontade de buscar algo real e sair da zona de conforto, e não se trata apenas de sexo (o lance com a minha ex é um caso a parte), é sobre criar conexões, se envolver com coisas reais. Acabou a época em que eu gastava horas na frente de um computador pra depois me sentir um bosta.

3 Likes

Dia 39

Galera, hj vou falar de algo que já me atrapalhou muito no reboot, não tenho mais problemas com isso, mas serve de alerta pra quem está tendo essa dificuldade. Em 2018, uma coisa certeira que me levava e recair eram as espiadas no instagram. Entre uma olhada e outra em fotos um tanto sensuais, eu ia aumentando a frequência até chegar ao ponto de pesquisar imagens pornográficas na internet e olhar por apenas 1 segundo, como se fosse um alcoólatra com uma garrafa na mão apenas cheirando a bebida. Depois disso era ladeira abaixo e eu voltava pra pornografia.

A postura que tenho hoje em dia é a seguinte: Comecei a pesquisar imagens sensuais intencionalmente e fiquei certo tempo olhando, pra mim é reset. Se no meio do caminho vi que estava fazendo merda, então fica o alerta pra eu parar imediatamente antes de piorar a situação.

Fica o alerta também em relação a site de noticias. Estão rolando muitas matérias sobre o tal do onlyfans, chamam isso de empoderamento feminino, mas é porcaria, pornografia da mesma forma.

4 Likes

Essa é uma conduta que eu luto para me livrar. Realmente a tal da “olhadinha” já é queda, mesmo que venha mascarada com a desculpa do “só olhei, mas não M” é um caminho sem volta. A distração abre o caminho para a tentação e a tentação nos faz cair. Devemos ficar alertas e resistir desde o primeiro indício.

4 Likes

Uma simples olhada já é uma semente que vai crescer. Estou com um gatilho a dias na cabeça, e isso porque foi um termo de pesquisa, imagina se fosse uma imagem.

6 Likes

Dia 40

Dia de cuidado pessoal e um mimo agradável. Fui no barbeiro dar aquela renovada no degradê, ajeitar a barba e comprei os livros da trilogia do Senhor dos Anéis. Minha mente é bastante fértil e eu acho que um livro proporciona uma imersão bem maior do que um filme, porque nossa mente é induzida a imaginar cada detalhe.

Em 2019 li um livro que se chama “A quimica”, até hoje as imagens que projetei estão na minha cabeça, a fisionomia dos personagens, os cenários, as cenas, e tenho certeza que se lançassem um filme desse livro, eu continuaria achando o que imaginei bem melhor haha.

5 Likes

Sei bem como é, assemelha-se a uma Abstinência… são nestes momentos que realmente temos de ocupar, são momentos de perigos

4 Likes

Sim, principalmente nos finais de semana.

4 Likes

Dia 41

Hoje rolou o encontro com a mulher que eu tinha marcado e foi muito bom. A gente conversou bastante (ela fala bastante :joy: :joy:) e a gente trocou uns beijos, nada muito intenso, mas acho que foi bom pra um primeiro encontro, é que eu sou mais da pegação e cada mulher tem um ritmo kkk. O momento que a ansiedade mais bateu foi antes de eu tomar a iniciativa de dar o primeiro beijo, mas assim que começou a rolar eu fiquei tranquilo.

7 Likes

Dia 42

Aquele gatilho que estava na minha mente perdeu a força. Eu ainda lembro dele, mas com ele não vem a vontade de assistir pornografia. Meu cérebro está começando associar cada vez mais a pornografia com algo triste, solitário e vazio, ao invés de ressaltar em primeiro plano o prazer que essa droga proporciona.

4 Likes

Dia 43

Hoje a ansiedade me incomodou a maior parte do dia, interferiu até no meu sono na noite anterior, mas sei que logo as coisas voltam ao normal. Tive uma experiência legal com a meditação. Após os pensamentos cessarem, eu me voltei ao que estava sentindo e a imagem que isso projetou em minha mente e a sensação que tive, era como se fossem águas escuras bem agitadas dentro de mim, então mentalmente eu comecei a acalmar essas águas em pensamento e comecei a me sentir bem naquele momento.

5 Likes

Postei aqui pensando que era no desafio kkkkkk

3 Likes

Eu vi hahha, mas de boas man.

1 Like

Dia 44

Diferente de ontem, hoje foi um dia bem tranquilo, consegui descansar bem e fui produtivo no trabalho. Na meditação de ontem eu tive que acalmar águas turbulentas, mas hoje apenas aproveitei a calmaria de uma praia ensolarada.

4 Likes

Dia 45

Ontem vi um vídeo sobre maturidade do homem e aquilo mexeu bastante comigo. A gente adquiri maturidade quando assume responsabilidades, e nesse vídeo em específico, falava sobre o homem ser independente. Eu tenho 31 anos e moro com meu pai, não sou nenhum sangue suga, eu trabalho, pago minhas contas, mas sinto que falta o desafio da vida real de assumir a responsabilidade de depender unicamente de mim. Essa situação no fundo me incomoda, creio que seja a hora de eu começar a me planejar pra isso.

5 Likes

Dia 46

Hoje tive terapia e foi bom contar os acontecimentos dos últimos 15 dias. Nesse período tive uma movimentação grande na área sentimental, e sempre é bom ouvir a opinião de um profissional. No geral eu tenho lidado muito bem com as minha emoções, a autocompaixão e a meditação tem sido ótimas ferramentas de auxílio.

6 Likes

Dia 47

A meditação tem me levado a entrar em contato com meus sentimentos, e mentalmente eles se manifestam de forma figurada. Hoje um pouco antes da meditação, senti carência e resolvi entrar em contato com isso. Demorou um pouco pra ele aparecer, como se estivesse se escondendo, mas quando identifiquei esse sentimento novamente, a figura que eu vi foi um pequeno monstro faminto e insaciável, que faz barulho e chama a atenção quando não é alimentado. Mentalmente eu tive que colocar uma coleira nele, mas isso não foi o suficiente, coloquei ele dentro de uma casinha e abafei o seu som.

Não podemos alimentar algo dentro da gente que dependa dos outros.

3 Likes

Que boa Reflexão este monstrinho vai morrer em breve em nossas vidas pois tudo aquilo que não é alimentado morre

1 Like