Meu diário a partir do dia 5

diário

#1

Depois que entendi que tinha uma doença. Passei a me considerar um dependente. Com isto, adotei a filosofia dos narcóticos Anônimos. Este app é uma das ferramentas que me ajuda bastante. A mebsagem de hoje é essa…

05 de Setembro de 2018

Não somos desesperadamente maus

“Vemos que sofremos de uma doença, não de um dilema moral. O nosso problema é o de estarmos criticamente doentes, e não o de sermos desesperadamente maus.”
Texto Básico, p. 18

Para muitos de nós Narcóticos Anónimos foi a resposta para uma já velha interrogação pessoal. Porque é que nos sentíamos sempre sozinhos, mesmo no meio de uma multidão? Porque é que fizemos tantas coisas loucas e autodestrutivas? Porque é que passávamos o tempo a sentir-nos mal connosco próprios? E como é que as nossas vidas se tornaram tão complicadas? Nós achávamos que éramos desesperadamente maus, ou talvez desesperadamente insanos. Foi assim um grande alívio vermos que sofríamos de uma doença. A adicção - era essa a fonte dos nossos problemas. Uma doença, fomos aprendendo, que podia ser tratada. E quando tratamos a nossa doença, podemos começar a recuperar. Hoje, quando vemos sintomas da nossa doença a virem à superfície nas nossas vidas, não precisamos de desesperar. Afinal de contas temos uma doença tratável, e não um dilema moral. Podemos estar gratos por podermos recuperar da doença da adicção através da aplicação dos Doze Passos de NA.

Só por hoje: Estou grato por ter uma doença tratável, e não um dilema moral. Vou continuar a aplicar o tratamento para a doença da adicção ao praticar o programa de NA.

Shared via JFT App https://bit.ly/jftdownload , Copyright © 2007-2018, NA World Services, Inc. All Rights Reserved


#2

Tb encarei o nosso problema como uma doença…pq o nosso autodominio fica anulado e se n lutarmos contra isso, ela invade todos os setores da nossa vida e nos afunda! Sucesso nessa luta e conte conosco!


#3

Neste momento são 6 dias e 13 horas sem PMO. As mudanças esperadas ainda não são sentidas. Tenho mais um orgulho por não cair. Os sintomas de fobia social, cansaço, timidez, e outros não sairam. Mas, acredito que isso vem daqui a pouco a diminuir pois o tempo gasto nas sessões de P precisam ser preenchidas com outra coisa (desde lavar pratos, até ler sobre psicologia para entender melhor passando por retenção seminal).
Os bloqueadores funcionando plenamente. Devido os testes já feitos antes, eu desisti de ficar fuçando pra achar brecha. Maa, acredito que a tendência é aumentar a pressão por P. Dessa vez vou usar meditação e MUITO banho gelado.


#4

Putz, você sabe que o diabo não ver você bem que já quer lhe ferrar (o diabo neste caso é o meu vício). Pois bem. Todos os meus bloqueadores funcionado recebo uma ligação no estilo “oi sumido” de uma pessoa que me envolvi nestas idas em salas de bp. Já chegamos a fazer coisas físicas. Mas, foi uma vez só e nunca mais retornei contato com ele (muito pela vergonha e senso de que isso é totalmente errado). A pessoa liga querendo saber como estou, que não era nada daquilo que eu estava pensando. Mas, no decorrer da conversa, começamos a falar de P. Quase cai na M e só não fizemos videochamada pq meu zap e telegram estão bloqueados. Enfim, quase ensaiei uma M. Mas, cai em mim. Lwmbrei de quâo errado era aquilo tudo e me despedi da pessoa falando do meu problema e dizendo que não queria mais contato. Enchi uma jarra de 3 litros com agua gelada e corri no banheiro. Caraca, imagino o desafio do balde de gelo, que choque térmico tomei. Pelo menos, não cai.
Para vocês verem como a P se comporta de maneiras diferentes. Tem gente que pensa que é só acessar sites ou coisas assim. Isso pra mim já era fraco. Precisa interagir com pessoas estranhas (primeiro no video e depois pessoalmente). Isso me deixou exposto a muitos riscos e de destruir minha família por completo.
Ainda bem que resisti.
Eita dia 6 que não acaba.
Só por hoje vou me manter firme e não cair. Amanhã é outro dia e nova batalha


#5

Dia 7 e sigo firme. Porém, minha esposa resolveu ir a praia com nossos filhos. Foda vc vê garotas em trajes sumários e tenta desviar.


#6

Tudo correu bem ontem. Fiz uma força enorme pra não ficar olhando pra mulherea na praia. Em alguns momentos, cai. Mas, desviava o olhar de novo. Não é fácil. Enfim, mais um dia sem PMO e ainda fiz sexo a noite.
Hoje é o oitavo dia


#7

Não é fácil, principalmente no início…com o tempo vamos aprendendo a controlar melhor isso! Mas encare tudo como uma etapa para se livrar do vicio…vc vai conseguir!


#8

Parabéns pela sinceridade, e por mais esse dia.
A vitória virá


#9

Hoje, dia 9 do reboot foi tranquilo. Estou dormindo muito e jogando muito. Talvez seja uma forma de compensar a falta de P e M. Sem vontade de fazer nada. Poucos desejos de cair pois meus gadgets estão bloqueados e a família estava em casa. Também estou comendo muito. Desafio amanhã é ficar limpo das 6 as 12. Horário que ficarei sozinho. Já tenho planos de ação do tipo se/então


#10

O preço que pagamos por dormir de dia e ficar acordado durante a noite. Aqui estou eu, sem sono. Mulher dormindo. Eu no celular e sentindo a vontade de mexer no Tablet. Este celular é totalmente bloqueado pra P. O tablet que acesso BP e SKP além de esta com a tela bloqueada ate amanhã as 8 (uso o LOCK ME OUT) além de está com sites nas blacklist list da opendns. Ou seja, a vontade vem mas não é saciada. Agora sinto vontade de M com pensamentos naquilo que lembro de P. Como não vou ceder, estou aqui escrevendo pra ver se dissipa a vontade.
Boa noite, guerreiros. Resistam. É possível. Usem as técnicas para dispersar os pensamentos.


#11

Ainda bem que estou com uma estratégia SE/ENTÃO bem fundamentada com base nas minhas recaídas anteriores. Como tinha um padrão de comportamento bem definido para as recaídas (onde eu respondia exatamente da mesma forma pra cada gatilho), quando você tem uma atividade pra colocar bem naquela hora ajuda a quebrar a rotina maldita.
O que ainda me angustia é a sensação de estar perdendo uma “oportunidade” de me M. Fico com essa sensação ruim de falta. Mas, sei o quanto isso me faz mal.
Vamos lá! Caminhando pro dia 10.
Só por hoje vou manter firme em minha decisão.
Um dia de cada vez


#12

Muito bem! Continue assim e vc conseguirá si superar!


#13

Vejo muita gente perguntando “vi um desenho e apareceu uma cena de sexo. Devo resetar? Vi um filme e a atriz apareceu seminua. Reseto?”
Minha resposta
Pessoal, falo por experiência própria: no início do reboot evitem desenhos, series e filmes (novelas nem pensar). Evitem assistir TV aberta ou qualquer coisa que estimula gatilhos. Quer passar o tempo? Baixa algum aplicativo de idiomas (duolingo é o melhor), algum jogo de estratégia ou vai fazer mindfullness.
Muita gente fica no forum perguntando coisa do tipo: “vi um desenho e tinha cena de sexo. Tenho que resetar? Vi filme e tinha mulher pelada. Reseto?”. Cara, se sabemos que nosso problema é muitas vezes disparado por cenas eróticas, porque insistir em se testar?
Evitem contato visual com isso. Utilizem web rádio para se informar, usem audio books, pratiquem um novo idioma.

Enviado pelo Topic’it


#14

Eu tenho problemas nas tarde de domingo com meu tablet. Instalei LOCK ME OUT e configurei pra bloquear a tela das 14 as 20 horas. Pra vc vê como esse vício é miserável, acabei de tentar usar o tablet. A tela nem abriu.
Sabe aquela olhada “inocente”? Torcendo pra achar uma brecha? No way, man! Além de passar por esta barreira, ainda teria que acionar o wifi que ta bloqueado pelo applock ( e o AppLock ta bloqueado por mais uns 7 bloqueadores). A tela ia ficar em loop infinito. Um bloqueado bloqueando o outro. Fora que a senha do Wi-Fi tem 40 digitos (letra,caractere,numero). Ai da preguiça e vc desiste.

Enviado pelo Topic’it


#15

Parabéns! Instale uns 20 bloqueadores, se for preciso, mas se mantenha distante das antigas olhadas inocentes, pq elas são os cantos daa sereias…parabéns por resistir!


#16

Dia 10 chegou. Claro, que é uma parte do caminho. Mas é uma marca que cheguei poucas vezes. Aliás, apenas 2 vezes cheguei a esta marca estou desde 2015 quando descobri este fórum vicioempornografiacomoparar.com. Nem conto desde quando entendi que era viciado (2013) ou desde quando o vício se tornou um problema (2005). Enfim, mais preparado pra resistir a vontade e com ferramentas mais estudadas.
Um conselho aos novatos: não basta força de vontade. Essa, com o tempo, enfraquece. É preciso ferramentas que tirem o foco e desmotivem o vício. Bloqueadores, blacklist no computador, DNS do opendns family shield, leitura, coragem pra aceitar sua condição de dependente são elementos importantes.


#17

Dia 11 - início do dia. Uma das coisas que sempre me fazia a cair no começo do dia era a associação da necessidade de fazer o número 2 e M. Não sei vocês, mas quando o meu reto se enche e estou pronto pra fazer cc sinto uma pressão na próstata e isso me estimula a buscar P. Tenho problemas com HOCD e achava que isso tinha a ver com algum comportamento fora da minha orientação sexual (hetero). Neste momento estou estudando numa biblioteca pública. Por estar sentado e não ter feito nada em casa, sinto aquela vontade de fazer n. 2 com aquela pressão na próstata. Não gosto de fazer necessidades na rua (n. 1 blz. Agora n. 2 tenho que pegar intimidade com o Zé Bocão).
Como já mapeei esta situação também, me resta as seguintes alternativas:

1 ir em casa e fazer o danado e ficar sozinho sentindo tudo aquilo que já sei onde vai dar
2 ficar aqui. Parar de estudar e mudar o foco da vontade de fazer cc
3 tentar fazer cc na rua. Coisa que não tenho costume e acho complicado pois eu lavo e não uso papel higiênico.

Que começo de dia!

Isso se deve em parte a ter comido obtem depoia das 20 horas. Tenho o costume de fazer jejum das 18 as 12. Fomos a um rodízio de pizzas e eu que tô compensando a falta de dopamina com comida me danei a comer (foram umas 9 fatias).

Mas, vamos lá.

Só por hoje eu vou me manter firme na minha decisão de estar limpo de PMO


#18

Cara, vivendo e aprendendo! ainda não tinha lido nada parecido e com alguns trechos engraçados(desculpe, mas n consegui me conter)…rss mas acredito que vc esta no caminho certo, pois esta fazendo uma analise critica da situação e encontrando alternativas! O caminho é esse mesmo! Mais razão, menos emoção! Avante!


#19

Dia 14 - bom dia, guerreiros! Estou aqui resistindo a depressão de não ter M pra me encher de dopamina. O cérebro já negociou de tudo pra cair. Imagino os dependentes químicos como sofrem com esse bombardeio.
No auge do desespero, baixei um novo app DIGITAL DETOX CHALLENGER Cara, obrigatório para nós dependentes ter essa ferramenta no momento de crise pra travar o gadget.Eu configurei pra 48 horas e o bicho travou geral meu tablet. Nem o botão power funcionava. A bateria do bicho dura uns 6 dias sem mexer. Ai, tive que esperar. A mesma coisa fiz no celular e só deixei a função telefone livre.
SEJA INTOLERANTE COM O VÍCIO. NÃO NEGOCIE COM O CÉREBRO. É UMA LUTA ESQUIZOFRENICA O QUE PASSAMOS. DE UM LADO O PUNHETEIRO VICIADO LOSER QUE QUER PASSAR A VIDA MORRENDO NA MÃO E DO OUTRO UMA PESSOA LIVRE E COM FORÇA DE VONTADE PRA RESISTIR.


#20

Cara, uma dica preciosa! Vamos espalhar isso pra galera!