Queda! Mr Robot assumindo o controle por um breve momento

É com pesar que venho relatar que acabei caindo em PMO depois de muito tempo. Fiquei bastante reflexivo sobre essa queda, pois só foi uma queda por ver P, mas por que eu precisaria ver P?

Na minha teoria é porque eu preciso externalizar essa energia sexual de algum modo. Seja trabalhando, criando ou tendo relações saudáveis com uma parceira, pois caso contrário essa energia ganha uma força tremenda contra você e um pequeno gatilho pode te levar a ruína

Eu havia dado uma negligênciada em algumas áreas da minha vida por diversos motivos nessas duas últimas semanas, o que abriu brecha pra uma certa fraqueza e virou uma bola de neve difícil de controlar.

Há o fato também de eu não ter relações afetivas com nenhuma mulher há bastante tempo, o que acarreta em não só em um carência sexual mas também uma carência afetiva, o que contribui também para uma baixa autoestima com a sensação de “não ser desejado”.

A nível emocional eu enxergo uma dependência minha para com o sexo feminino. Tive uma criação superprotetora onde fui criado uma dependência muito forte com a minha mãe, o que minou minha autoconfiança e minha independência. Como refletimos muito nossos estados emocionais da infância, agora na fase adulta a dependência passou a ser a figura feminina como um todo. Uma necessidade de aprovação excessiva, uma falta de força e uma falta de atitude para o cuidado consigo mesmo vem desse reflexo da infância. É uma área que realmente que preciso trabalhar por muito tempo.

Sobre a queda, foi em uma rede social que não irei citar o nome mas que sempre houve uma série de gatilhos nela, só que eu nunca me importei com esses tais gatilhos, pra mim era coisa leve, fácil de ignorar. No entanto a facilidade de acessar conteúdos mais pesados sempre esteve ali facilmente. Nessa fase onde a energia sexual estava no seu pico e ainda com um certa vulnerabilidade na disciplina do dia-a-dia a curiosidade falou mais alto, daí uma coisa levou a outra.

Por fim, estou aqui abrindo o jogo sobre a queda e aceitando que eu posso falhar e está tudo bem. Eu me amo e me aceito completamente.

Como meta irei buscar minha independência emocional de forma plena e corta esse cordão umbilical invisivel que me prende há muito tempo.

Avante!!

13 Likes

Meu nobre amigo @ElliotAlderson, suas palavras e entendimento fazem muito sentido para mim! Acredite! Quanto a sua queda, fique tranquilo! Não podemis e não vamos ser crueis com nós mesmos ! Vc não vai perder todo o seu enorme progresso, assim como eu não perdi o meu…cara, vc sabe que eu admiro sua maneira de pensar e como vc exterioriza suas idéias, por isso quero que vc continue compartilhando conosco, inclusive o que vai acontecer nos próximos dias, pois é preciso desmitificar certos pensamentos do tudo ou nada!carência emocional e fod… eu sei disso e nosss fraqueza é covarde e se aproveita dessa vulnerabilidade! Estou com vc, meu amigo! Avante!

4 Likes

Nos amar sempre é a chave meu amigo, independente do que aconteça!! É um amor incondicional que precisamos ter com a gente mesmo seja qual momento que for!! Sei exatamente que eu não irei perder a minha consciência semelhante a você. É como dizem “a ignorância é uma benção”, se sabemos o que sabemos, não iremos conseguir viver de outro modo.

Vou testar o easy mode dessa vez, coisa que eu nunca fiz em outro Reboot. Todos foram em hard mode até hoje, só sabemos o que funciona quando experimentamos de verdade.

Obrigado pela força meu amigo!!

6 Likes

Onde posso me informar em como funciona o easy mode?

2 Likes

Na verdade é só um modo de dizer que a M será permitida em certo grau, tipo uma vez a cada duas semanas ou uma vez por mês, já o hard mode é sem M e por 90 dias sem o “O” também

5 Likes

Ah tá! Entendi! Tipo…durante os 90 dias, fiz sexo mas me abstiveda pmo! Acho que significa que sempre estive no easy mode…no seu caso, foi chuck norris mode!rss tem a minha admiração!

3 Likes

Kkkkkkkkkk, é porque você já tem uma relação e tals, abstenção de “O” é mais pra quem tem casos de D.E, então considerando isso você fez Hardmode sim!! Não que eu tenha D.E mas foi mais por falta de oportunidades mesmo se você me entende rsrs

Acho esse estilo de Hardmode o mais ideal, ainda mais no seu caso que já tem uma relação consolidada, já no meu caso o easy mode pode funcionar mais já que eu não tenho válvula de escape, aí sim vira um Chuck Norris mode kkkkkkk

2 Likes

Obrigado meu amigo, sei que ela irá aparecer no momento certo, por enquanto eu tenho uma imensa gratidão por estar comigo mesmo, cuidando de mim e crescendo.

Acho que não senti nenhum sentimento negativo quanto a queda e se sentir, eu tratei de aceita-lo como é. Não senti nenhuma perda de benefícios e digo até o contrário fiquei até mais motivado, esse é o poder do amor e da aceitação.

Obrigado pela força!!

5 Likes

Hahaha só a gurizada boa nesse post, @ElliotAlderson como já falei em meu diário, a aceitação é o primeiro passo para a superação, e você aceitou dois grandes problemas nesse post, acredite, a aceitação é um dos estágios mais difíceis e você acabou de supera-los. Em relação ao no fap é mais tranquilo de combater, você já tem e sabe diversas ferramentas. Em relação as mulheres hehehe tá foda bruxo, faz uns meses que não transo, faculdade é uma prova diária de organização de tempo que eu estou na batalha, o que me ajudou a começar a ter sucesso com elas foi estudar o PUA, agora existem conceitos novos, mas tenho velhos amigos mentores que talvez você curta assistir… João Abrantes, nerd sedutor, social games 7 e SB João Victor, todos são grandes amigos meus e admiro o trabalho deles, talvez você goste, o conteúdo é muito abrangente, línguagem corporal, estudos comportamentais, estilo, tudo!
Abraços

2 Likes

Aliás, esse é seu diário?

2 Likes

E aí meu amigo, pois é, tanto tempo nessa que a gente aprende todos os passos. Já estudei um pouco de PUA mas por enquanto estou em outra vibe e tals, mas é uma boa ferramenta pra se desenvolver.

É meu diário e não é, se eu tiver alguma reflexão vou por aqui mas não vai ser algo diário contando o meu dia a dia

4 Likes

@ElliotAlderson como vc esta, irmão? Anda sumido…aparece por aqui, de vez em quando! Abraços.

3 Likes

E aí irmão!! Tudo bem por aí? Tô meio sumido porque tô ficando em outras coisas da vida e tals.

Recentemente resetei pra voltar com o Reboot em hardmode. Em easy mode realmente fica mais fácil mas em compensação fica um vazio também. Aquela sensação de ainda ser escravo de um vicio.

5 Likes

Entendi! Agora ficamos com dias próximos… vc nem caiu e admiro sua força! passei o ultimo mês com quedas sucessivas e sem conseguir passar nem do sétimo dia…por coincidência, estou nesse dia hj e dessa vez quero que seja diferente!

6 Likes

Se for olhar pelo hardmode eu caí sim. Isso aí mano, você irá conseguir!! Vamos seguir juntos!!

6 Likes

Hello my friends!! Depois de bastante tempo, volto aqui pra uma nova reflexão.
Acabei caindo em um ciclo de recaídas contínuos esse último mês, o que pra mim é até algo comum depois de um longo Reboot, sempre houve esse ciclo depois de uma queda bem alta rsrs.

Minha reflexão é sobre o quanto nos fugimos dos nossos medos e aflições.

É uma reação quase instintiva, fugimos de uma situação que nos traz desconforto e nos encomoda, utilizamos qualquer meio pra fugir e não encarar esse nosso “demônio”. Esse demônio pode aparecer de várias formas, como ansiedade, medo, preocupação, solidão, dor e no geral, situações que a gente não consegue lidar, situações que nos deixam sem chão, uma situação instável.

A maneira de vencer esse demônio, é encara-lo de frente. Está presente na situação de desconforto sem tentar fugir e nem se esconder, nos transforma e nos ensina a ser mais forte. Senti toda a dor e todo desespero e mesmo assim está presente, abraçar a incertezas e dúvidas da vida nos liberta, nos torna mais corajosos e amorosos com nós mesmo e nos ajuda a vencer os nossos vícios.

3 Likes

Essa simples reflexão definiu oq está sendo esse começo de ano. Teve momentos q eu podia me informar para evitar conclusões equivocadas mas preferi n me decepcionar ainda mais.
Tenho q mudar e encarar tudo "frente a frente "

Boa noite

2 Likes

É isso, precisamos encarar nossa dor e tratá-la com carinho e respeito, pois é ela que melhor nos ensina.

2 Likes

Hello my friends!! De novo aqui! Infelizmente ainda continuei num ciclo de recaídas por um tempo, o motivo? Falta de motivação! Sempre alcancei longos períodos longe de PMO por conta de uma motivação forte e isso que estava me faltando pra sair disso novamente. Encontrei uma motivação não tão forte mas que funciona através do canal do YouTube Alphaspirit. Ele explica todos os benefícios que ele tem depois de certo números de dias, eu tenho consciência de que ele exagera nesses benefícios e são benefícios na maior parte subjetivos, mas é uma boa maneira que eu encontrei pra me “empolgar” de novo.

Mudando um pouco de assunto, eu estava refletindo muito sobre a repressão.

Como aquilo que reprimimos ganha ainda mais força, como aquilo que resistimos persiste ainda mais…

Sempre fui um cara que sempre tentou olhar a vida de modo positivo e otimista, tentando “acabar” com todos os pensamentos, sentimentos e emoções negativos, mas isso meus amigos de maneira nenhuma é saudável. Estou passando por uma fase de apatia, onde não vejo graça em mais nada e não sinto motivação pra fazer nada. Até a disciplina que eu tinha orgulho de ter, não consigo mais manter. Eu creio que o motivo de eu estar assim foi o tanto que eu me reprimi com o tempo. Sempre tentei ser o cara bonzinho que ajuda os outros tudo mais e me larguei de lado por acreditar que pensar em mim seria algo “egoísta”. Reprimir quem você é nunca é uma solução saudável, uma hora vai chegar ao ponto que essas coisas reprimidas irão vir a superfície e irão ser muito piores do que a primeira vez que apareceram

Devemos lidar com as nossas sombras e nossos “defeitos” de maneira aberta e sincera, aceitar essa parte de você porque simplesmente faz parte de você. Ninguém é perfeito, nem santo o bastante pra não sentir desejo, raiva, tristeza, ciúme, cobiça etc. O que é preciso ser feito é observar todos esses sentimentos, pensamentos e emoções da forma como são, sem alimenta-los e sem reprimi-los, uma aceitação incondicional. Esses sentimentos são muito mais complexos do que uma classificação “bom ou ruim”, aliás tudo na vida está muito além dessa simples classificação.

O conhecimento do “bom e ruim” nos tirou do paraíso. A falta de aversão e apego pelas coisas, a falta de julgamento do “bom e ruim” nos faz voltar aquele jardim de paz novamente.

2 Likes

Esse assunto da repressão me lembra muito um documentário do Deepak Chopra " O Efeito Sombra" tem ele legendado no YouTube, é muito bom e fala sobre as máscaras que nós usamos pra esconder nossas sombras.

https://youtu.be/-7dhLb4tpMg

Também acompanho o canal do Alpha Spirit o Matheus passa bastante conteúdo interessante.

2 Likes