[DIÁRIO: ra29] Você só precisa de um motivo forte o suficiente!

diário
#1

Olá, galera!

Percebo que muita gente aqui do Fórum está muito focado em acabar com o vício em PMO.

Mas a maioria não tem sequer um motivo relevante. Quer acabar por acabar…

Confesso que não sou o maior exemplo de superação. Talvez eu esteja em situação mais confortável do que a de vocês.

É verdade, já usei bastante PMO. Já tive, há muitos anos, DE induzida por P (ou talvez tenha sido o nervosismo da primeira vez), já fiquei fissurado por ver mais um vídeo, já gostei das categorias das negras, gordinhas ou milfs, já fiquei depressivo após M…

Contudo, na cama, com uma mulher especial, sempre fui uma máquina. Não tenho problema algum há pelo menos uma década.

Mas algo me incomodava: meu instinto caçador. Eu continuava, todos os dias, a deixar meu olhar indisciplinado.

Caçava, olhava indiscretamente… Em qualquer lugar! Esses olhares eram gatilhos que, alimentados, me levavam a uma busca incessante.

Uma busca que começava nas ruas e ia ganhar volume nas redes sociais.

Instagram, musas fitness, mulheres com corpos perfeitos de biquíni.

Logo chegava o momento em que isso me levava para o próximo degrau: mulheres nuas e, eventualmente, P (nos últimos 3 anos não vinha consumindo muita P. Eram mais fotos sensuais e de mulheres nuas, o que não deixa de causar uma dessensibilização neurológica).

Depois disso era uma tristeza. Um abatimento. Uma sensação de culpa… Não só pelo reconhecimento do vício vivo. Mas pelo reconhecimento do tempo, da perda de vida, do ânimo limitado.

Então descobri um motivo pessoal pelo qual EU deveria lutar pela minha liberdade. Lutar pela liberdade do meu olhar, do meu corpo e da minha alma!

No meu caso esse motivo tem uma razão religiosa de ser. Tem também uma razão espiritual. Mas é, principalmente, de fato, um motivo pelo qual vale a pena lutar. Um motivo que tem sentido lógico na minha cabeça.

E isso tem me levado até o dia de hoje: quase 50 dias sem PMO. Estou em nofap hardmode, olhar disciplinado e sem poluções noturnas.

O que digo a vocês é que é preciso encontrar “O” motivo que os levará a vencer esse vício. Eu encontrei o meu e tenho certeza que estarei firme hoje e até que tenha alcançado todos os objetivos que vislumbrei no início da caminhada e além!

Até logo!

Código de compartilhamento/sharing code: tpljq3

4 Likes
#2

Eu perdi minha namorada por causa disso. Também virei uma máquina, parece que eu queria sexo o tempo todo, além disso tbm tenho o olhar indisciplinado. Estou começando agr é estou me sentindo uma pessoa horrível

3 Likes
#3

Cara, tamo junto!

Pode ser que não tenha mais volta ou pode ser que tenha. O importante é você se focar em você. Em curar as coisas que acha que estão te fazendo mal. Não só com relação à P.

Busque dedicar seu tempo e esforço em você que as coisas, em seu relacionamento e na vida como um todo, vão acontecer.

:wave:

1 Like
#4

10 hábitos que têm me ajudado a superar a PMO:

  1. Encontrei “o” motivo para vencer;
  2. Disciplinei meu olhar: se estou caminhando na rua só olho para a cabeça/rosto das pessoas. Se preciso conversar, olho nos olhos;
  3. Me inscrevi neste fórum;
  4. Deixei de seguir ou silenciei, no instagram e facebook, todas as amigas, colegas, personalidades, hashtags, etc., que tenham qualquer conotação sexual: apareceu de biquíni, decote muito pronunciado, roupa de academia, silencio stories e publicações. Para os casos mais graves, cheguei a bloquear;
  5. Não utilizo twitter;
  6. Não estou praticando M ou tendo relações sexuais. Optei pela castidade, na continência, pois ainda sou solteiro;
  7. Banho sempre frio;
  8. Não participo de nenhum grupo de whatsapp que compartilhe P;
  9. Decidi conscientemente ocupar meu tempo e minha mente com coisas simples: trabalho (inclusive o doméstico = não há mais louça suja em minha casa :sweat_smile:), atividades da Igreja, passei a conversar mais com pessoas desconhecidas, leio mais, etc. Infelizmente tenho vacilado no exercício físico, mas vou fazer um esforço pra voltar;
  10. Oração diariamente;
5 Likes
#5

Muito bom… Ainda bem que vc converteu teu caminho antes do casamento, eu estou corrigindo meu caminho após a tragédia do divórcio. Um preço muito alto a se pagar! Meu motivo é obedecer a Deus, para poder cuidar dos meus filhos. Vou começar a te seguir, segue de volta…

5 Likes
#6

Show! :+1: Vamos adiante!

2 Likes
#7

Tenho algumas em prática, outras não vou procurar colocá-las em prática

#8

Muito bom cara siga sempre assim ,confesso que andei sumido pois tive umas recaídas e com vergonha acabei sumindo aqui do App mas estou de volta e com a ajuda de Deus reiniciar a batalha e vencer pois somos todos vencedores

2 Likes
#9

BÔNUS

Hábitos importantes aos católicos para o exercício da castidade:

  1. Mortificação ativa: realizar um sacrifício ou penitência, mental ou física, por amor a Deus, com o objetivo de se unir à paixão e à cruz de Jesus Cristo e, portanto, como meio de participação na Redenção.

  2. Combate à ociosidade: Ocupar tempo e mente com trabalho, leitura, estudo e exercícios.

  3. Fuga das ocasiões de pecado: Não deixar que essas ocasiões aconteçam.

  4. Meditação dos castigos eternos: Visão do inferno e do purgatório e de como será a vida, pós-morte do corpo, em razão do pecado.

  5. Devoção a Jesus, requerendo intercessão da Santíssima Virgem e de seu castíssimo esposo São José.

  6. Mudar a visão de homem: O homem não precisa ser sexualizado para ser feliz. Pelo contrário, é preciso, antes de tudo, crescer financeira, espiritual, física e mentalmente para poder exercer a sexualidade, tendo em vista que o motivo do sexo é o da procriação. Havendo procriação, existe o dever de cuidado do pai para com os filhos, que só pode ser executado responsavelmente através do amadurecimento masculino.

  7. Combater os maus pensamentos: Combater os pensamentos no nascedouro é o modo eficaz de evitar que eles se proliferem e levem ao pecado. Não pensar sobre, acaba por conduzir a pessoa à vitória sobre o pecado e, no caso da castidade em específico, ao afastamento das poluções noturnas.

1 Like
#10

Bom dia!

54 dias.

Ontem tive uma provação. Estava no Instagram e quando penso que já havia bloqueado tudo, o Instagram do clube que torço (onde eu menos podia esperar) publicou fotos da “musa do clube” que estava de biquíni, de frente, junto de outras candidatas. Meus olhos rapidamente passaram pelo corpo daquela mulher… então eu cliquei no Instagram de uma das outras. E olhei rapidamente para outra foto em que essa “musa” estava de costas. Coisa de segundos.

Então pensei nessa luta que estamos travando e que eu não poderia ceder. Fechei tudo imediatamente. Ou seja, todo o processo durou uns 10 segundos, mas com a graça de Deus consegui não fixar meus olhos naquelas imagens e não ceder à tentação.

Resultado: excluí os apps do Instagram e Facebook do celular pra me precaver. Não valem a pena. Onde a gente menos espera, aparecem coisas pra nos desviarem do foco. Só por conta desse evento, percebi que meus olhos estavam querendo ceder, durante o restante do dia, já na vida real. Foi uma luta árdua, a de ontem.

Quando a gente tá na continência dos prazeres sexuais que percebemos o quanto as roupas das mulheres são feitas pra serem sensuais. Não é nem tanto culpa da escolha da mulher. Muitas vezes só tem aquela opção.

3 Likes
#11

Caramba velho. Parabéns. Instagram realmente é um grande gatilho que pode levar a queda. Continue assim

#12

A melhor coisa que VC fez , VC criou cercas para se proteger! O grande segredo nessa batalha é Guardar os Olhos contra os gatilhos , nunca mais nunca bata de frente com a tentação , se desvie dela , vire seu rosto a ela , Força!

3 Likes
#13

58 days.

Hey guys, it’s possible! I say it because I’m doing it hard mode, and I’m being successful!

This is one of the biggest challenges I’ve ever done and this is making me stronger everyday. Sometimes, during the procces, I felt some kind of depression. But I resisted because I needed to see how glorious is the victory over this shit slavery. How is the slavery, I already knew before starting it all. Now I wanted to know how complete freedom is, and I’m each day going more far on this journey, each day more free!

See you soon!

2 Likes
#14

Tava assim com a Netflix lê meu diário depois, foi terrível o que passei

1 Like
#15

É preciso ser radical e eliminar todas as fontes de sensualidade, pois ela leva ao porn! Eu só tenho whats, a TV exclui da minha casa, faz 18 meses que não sei o que é escolher um canal de TV kkk

Estou completando. 84. DIAS. mas minha vida é de monge digital!

Continuem firmes, é difícil e dolorido, mas é muito bom ter domínio sobre a sua própria vontade. Aprendam a cada recaída o que te levou ao chão e peça ao Deus misericordioso ajuda para levantar, Ele espera por este pedido de socorro.

4 Likes
#16

Isso aí , o segredo é guardar os olhos , enquanto a Tv DEPENDE do que for ver na TV , se tiver qualquer sensualidade troque de canal e não veja mais , se desvie não bata de frente , na internet use filtros bloqueadores , enfim está quase completando 90 dias , parabéns! Daqui pra frente vai ser cada vez mais fácil com uma condição e essa já está cumprindo : guarde seus olhos, e que Deus continue te fazendo prosperar nos caminhos pela vida apesar das dificuldades. É aquela história : Deus não escolhe os capacitados , Ele capacita seus escolhidos.

2 Likes
#17

60 dias completos! Concordo com o que vocês falaram, @padilha e @EduardoIsraeli. Hoje, depois dos 60 dias, já peguei o hábito de só olhar para os pontos seguros e sempre fugir das ocasiões de exposição à sensualidade.

2 Likes
#18

É assim que se conquistamos a pureza que Deus espera de nós ! Assim iluminamos esse mundo cheio de trevas!

1 Like
#19

Quais os benefícios que tu vê já conquistou?

#20

Fortalecimento emocional, coragem, mais eficiência no enfrentamento de problemas, melhor sociabilidade, admiração e respeito de mulheres mais velhas, sensação de consciência limpa, autocontrole e maior clareza sobre vários aspectos da vida. Quando eu for percebendo outros benefícios, vou colocando aqui.

2 Likes