Dia 21 - EasyPeasy - Nofap para "pegar" mulher... Mas não foi essa carência que te levou ao vício em pmo?

Olá meus amigos, três semanas se passaram. Irei comentar sobre algumas reflexões que tive e percepções também acerca desses últimos dias. Posso ser muito honesto em dizer que ainda permanecem desafios emocionais desde meu último registro, que foi no oitavo dia de nofap. Porém, veja que interessante, esses desafios emocionais já existiam antes e se voltar ao que era antes não resolverá os problemas emocionais, por qual motivo se deveria voltar? Nenhum. Não existe ansiedade, depressão, angustia e solidão que já não houvesse durante o vício em pmo. Isso significa uma coisa, o retorno ao vício não irá resolver. Tenho mais um acréscimo a isso, se estar viciado em pmo não preenche um vazio, mas cria um, também é o mesmo que dizer que além das emoções complicadas que já haviam: haverá mais vazio. Somando a tudo isso um último fato que eu, na minha experiência pessoal, junto com outros usuários EasyPeasy, podemos constatar que estar em nofap, longe e CURADO do vício em pmo ficará muito mais fácil lidar com as emoções difíceis e os estresses do dia a dia, ou seja, eles não deixam de existir, mas você pode lidar de uma forma muito melhor. O destaque a palavra CURADO é pelo motivo óbvio de que o método EasyPeasy fala em cura, se você simplesmente nunca mais espiar de novo, você está curado, é simples. A crença de que estar em nofap era um sacrifício deixa de existir, você encara como uma contínua sensação de liberdade e você nunca mais espia pornografia de novo, isso é a cura que o método explica. Dito isso, minhas provações emocionais, irritações, tristezas ou emoções “negativas” deste tipo tem sido muito mais fácil de serem lidadas. Curiosamente, você também sente mais. Isso, pelo menos no meu caso, foi interessante e paradoxal. Pude sentir mais minhas emoções, pois não estava fugindo delas, como acontece enquanto viciado em pmo, o vício é uma fuga, uma válvula escape da sua dimensão emocional desconfortável que te garante um prazer de pouquíssimos segundos onde todos os problemas são esquecidos e em seguida você está na lona, é um investimento de qualidade bastante duvidosa. Há algo mais que eu preciso contar aqui, meu sono tem passado por uma avalanche de alterações. Existem dias que durmo por três horas e não sinto a menor necessidade de dormir mais, nem mesmo de tarde, passando vinte e uma horas acordado e bem. Existem dias que eu durmo por seis ou sete horas, somando o um cochilo de tarde e passo dezoito ou dezessete horas acordado e bem. Isso foi uma mudança muito forte, pois eu antes dormir por oito ou nove horas, somando um cochilo de meia hora a uma hora de tarde. Nem todos os praticantes relatam isso, a grande verdade é que apenas uma minoria relata e caso não aconteça o mesmo com você, saiba que está tudo nos conformes, pois na verdade uma alteração de sono deste nível pode ser prejudicial a longo prazo, ainda que eu não saiba direito o que está acontecendo e precise estudar a respeito, mas no mais eu me sinto bem em relação ao sono, apesar de uma mudança deste nível. Esta mudança do sono já ocorreu em outras streaks, mas se acentuou um pouco mais nessa, provavelmente por que o método que eu uso para viver em nofap é outro, o Easypeasy, sem ser o da força de vontade, pode ter algo a ver pois as crenças subjacentes que me conduzem nesse caminho agora são outras, mas pode ser que não tenha nada a ver. Saiba que o meu relato é algo completamente individual, uma experiência minha e não uma pesquisa de grandes populações, por isso não precisa levar tão a sério como se fosse algo obrigado a acontecer com todos e inclusive com você. E concluo que é possível que essa mudança no sono seja algo temporário, que pode até durar algumas semanas ou até meses, mas não durará para sempre, sendo apenas uma mudança nas estruturas cerebrais e processos hormonais, portanto só o tempo dirá.

Uma das reflexões que eu tive nesses últimos dias foram as “publicidades” feitas entre adeptos do nofap e canais de Youtube, difundindo a ideia de que nofap era excelente, pois isso ajudava a ficar mais atraente e a “pegar” mulher. Realmente esses relatos existem, não estou aqui ignorando o fato. Entretanto é interessante que se passe por nossa cabeça as memórias a respeito de como foi a condução de nossa vida consumindo pmo. Biologicamente fomos condicionados a um impulso fortíssimo que é o sexual, então uma das funções primárias do corpo é a reprodução. No adolescência isso explode e vamos paquerar, namorar e também ter contato sexual, que num mundo de eternas facilidades nos deparamos com a pornografia. Foi o fato de priorizarmos nossos instintos sexuais que nos tornamos completamente carentes pelo sexo oposto, deixando de ser nós mesmos, de cuidar de nossa vida, de focar nos nossos projetos, de cuidar de nosso corpo e mente. Essa fragilidade generalizada criada pela carência nos leva a pornografia, afinal, carência é desconforto e pornografia, como uma miragem num deserto, ou seja, de forma ilusória, nos afasta deste desconforto, é uma fuga, uma válvula de escape do sofrimento. Essa mesma carência também nos faz aceitar parceiras amorosas abusivas conosco, fazendo com que não escolhamos bem, só para que não nos sintamos sozinhos ou para termos contato sexual. Saiba que essa sensação, ainda que seja movida por um impulso básico, não é de forma algum necessário para a sobrevivência e portanto não precisa de desespero. Antecipo que o ideal seria se eu tivesse com várias metas e objetivos de crescimento pessoal, mas eu não tenho feito atividades físicas, não tenho praticado nenhum hobbie, nenhuma prática espiritual e tenho focado apenas no trabalho e ainda assim, tá tudo bem, você entende? Antes, até no modo força de vontade, eu sentia muito mais essa solidão, essa carência por uma parceria amorosa, só que hoje não mais, pois também compreendi que ninguém morre por isso. Não é igual se alimentar, beber água, dormir, caso você fique sem isso poderá morrer, mas se ficar sem uma parceria amorosa, não morrerá. E esse tempo que você tira para você te amadurece, te leva a ficar bem consigo mesmo e te cura até de velhos padrões emocionais desorganizados que você tinha. Você passa a se valorizar mais e não irá aceitar qualquer pessoa com você. Isso também é benéfico para a parceira amorosa, ou parceiro amoroso que você encontrará no futuro, afinal, você apresentará para ela ou ele a sua melhor versão. Isso tudo, é claro, se você ainda quiser ter uma vida amorosa, se não tudo bem também, essas informações apenas reforçam essa ideia que você que quer seguir solteiro até o fim de seus dias neste mundo já está tendo, saiba que tudo também está bem. Para os que querem se relacionar, tenha paciência e escolha com prudência, de solidão amorosa/sexual ninguém morre, mas um namoro ou casamento ruim pode te deixar bem mal. Um abraço forte e uma ótima jornada.

5 Likes